Rua Américo Brasiliense, 2171- Conjunto 603/ 604

Chácara Santo Antônio- São Paulo- SP

Tel/fax: 55 11-2769- 6013

Blog do Luba

O ELO ENTRE O ENVELHECIMENTO PRECOCE E COMPLICAÇÕES NA GESTAÇÃO

Pesquisadores norte-americanos descobriram que alguns fatores podem acelerar o envelhecimento celular das mulheres e, possivelmente, aumentar o risco de complicações na gestação. Para chegar a esse resultado, o grupo da Universidade de Ohio analisou 81 gestantes com 25 anos de idade em média.

As participantes receberam questionários com dados sobre a infância, o status econômico, a depressão e o apoio familiar que recebiam. Depois, mediu-se o tamanho dos telômeros delas, espécie de capa que cobre as extremidades dos cromossomos – estrutura que a ciência acredita estar ligada ao envelhecimento.

No final, as mulheres mais expostas a situações como baixo status socioeconômico na infância e falta de apoio familiar tinham telômeros mais curtos. Portanto, eram biologicamente mais velhas. O mesmo fenômeno foi observado nas que passaram por traumas quando eram mais novas.

“Suporte e acesso à saúde são muito importante para gestantes e esse achado pode ser uma das razões para isso”, disse Lisa Chrystian, autora do estudo e psicóloga da instituição, em comunicado à imprensa.

O papel dos telômeros

“Com a idade ou com o estresse, essas capas tendem a se desgastar”, explicou no mesmo comunicado Amanda Mitchell, psicóloga que participou da investigação nos Estados Unidos. Os telômeros menores estão associados ao aparecimento de diabetes tipo 2, maior risco de acidentes vasculares cerebrais, problemas cardiovasculares e outras doenças típicas do envelhecimento.

É um campo que ainda está sendo desvendado pelos cientistas, mas a hipótese do grupo é a de que o encurtamento precoce dessas estruturas ajude a explicar porque fatores psicológicos e de baixo nível socioeconômico aumentam as chances de complicações no parto e na gestação. Essa relação, sim, bem mais conhecida e comprovada.

“É difícil mensurar o envelhecimento, mas sabemos que estresse, falta de apoio, situação financeira ruim estão ligadas a problemas como baixo peso ao nascer e maior incidência de pressão alta, por exemplo”, aponta Ricardo Luba, ginecologista e obstetra do Hospital e Maternidade Leonor Mendes de Barros, em São Paulo.

Outro trabalho, de 2016, já havia mostrado que a falta de apoio conjugal pode estar ligada ao desgaste dos telômeros e envelhecer mulheres antes da hora.

Acesse o link do Portal Bebê.com.br: https://bebe.abril.com.br/gravidez/o-elo-entre-envelhecimento-precoce-e-complicacoes-na-gestacao/

gravidez saúde